quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Blue moon


“Lua Azul é a expressão usada para designar a segunda lua cheia que ocorre em um mesmo mês. Isto ocorre em intervalos de cerca de três anos devido à diferença no tempo de uma lua cheia até a próxima [...]”.

Na última sexta-feira de agosto de 2012, quem olhou para o céu pode ver uma belíssima lua cheia. O fenômeno não é tão raro, mas está carregado de significados místicos.

“A segunda lua cheia de agosto é chamada de lua azul é um evento considerado especial, gera uma energia que possibilita profundas mudanças emocionais e energéticas e um contato maior com o plano espiritual”.

Eu não conheço os mistérios por trás da tal lua azul, mas não posso deixar de dizer que, nesse momento, seus significados se encaixaram com a minha vida.

Depois de mais de três anos, optei por uma mudança – bem radical, em todos os âmbitos: pedi demissão. Sexta-feira, 31 de agosto, noite de lua azul, foi meu último dia naquele lugar, que foi como uma segunda casa por tanto tempo.

Já tinha falado aqui sobre como nunca sabia onde queria estar daqui a cinco anos. Depois de um período consideravelmente longo de surtos, percebi que ainda não sei o que quero, nem daqui a cinco anos, nem daqui a cinco minutos. Por mais que eu gostasse de fazer o que estava fazendo, aquele tesão sumiu, e considero isso essencial para qualquer coisa que eu vá fazer.

Então, eu percebi algo ainda mais importante: isso não tem problema, não tem nada de errado. Certo mesmo é encarar as dúvidas e tentar resolvê-las; descobrir qual é o melhor caminho a trilhar. E quer jeito melhor de fazer isso do que se jogando na vida, conhecendo outras coisas, outras pessoas, tendo novas experiências? Era disso mesmo que eu precisava.

As mudanças não param aí. Eu, paulistana convicta e apaixonada, vou deixar estas bandas por um tempo também. Depois de 21 anos, hoje é dia de me mudar para longe dessa loucura que é São Paulo e virar caiçara. Pelo menos até o fim do ano, vou viver com o pé na areia, entrando de cabeça em novos planos.

Se tem uma hora, é sempre agora, e não depois. E agora é a hora de dar um passo de cada vez, até eu descobrir qual é a direção que minha vida deve tomar. E é tão legal e excitante saber que, nesse universo enorme, eu posso ir para qualquer lugar, fazer qualquer coisa, e que não é uma faculdade que vai definir isso. 


Se eu falasse que não estou com medo, seria mentira. Bate um frio na barriga, sim. São muitas mudanças – profissionais, pessoais, emocionais – mas estou certa dessa decisão. As dúvidas sempre vão existir, mas que graça teria a vida sem confrontá-las?

Enquanto estiver lá em Itanhaém, com o pé na água, vou sentir saudade de muita gente, mas sempre darei uma passada aqui. Afinal, nós sempre teremos a Augusta, a Neu, a Mercearia São Pedro, o Coutinho, o Matrix...

Hoje, eu fecho um ciclo e inicio outro. Mas, acho que o ciclo mais importante que estou começando agora é o de perceber que mudar é sempre bom, e que nunca é tarde para isso. Por luas mais azuis para nós.

15 comentários:

Chloé Pinheiro disse...

Ai Nat, que orgulho!

Sou de Santos e um dia - o famigerado "um dia" - também volto a enterrar meus pés na areia.

Boa sorte!

~carlaaovivo~ disse...

Vai com tudo, Nat!
Você merece!

Boa sorte em todos os caminhos que você ainda vai trilhar por aí!
E meu Deus, Itanhaém é quase ali. =D
Vou lá te fazer companhia com pé na areia tbm! =)

Se eu pudesse te dar um conselho seria: use filtro solar!

Beijoooo!
<3

Bia Nascimento disse...

Nat,

Coragem para mudar é algo que eu realmente admiro nas pessoas. Não é fácil...
Te desejo toda a sorte do mundo nessa nova fase!


Um grande beijo!

[balbie madeleine] disse...

Engraçado que estava pensando nisso de mudanças ontem! Lembrei inclusive do que você havia falado no dia em que nos vimos.
Mudanças trazem toda essa instabilidade e essas milhares de sensações mas nos tornam pessoas melhores, se soubermos aproveitá-las. Boa sorte, de coração, menina!
Sei que você saberá muito bem o que fazer!

Camila disse...

É sempre bom mudar, mas é preciso coragem também. Às vezes me dá na louca e eu resolvo mudar tudo e só depois penso no que pode acontecer. Assim como você, não sei o que estarei fazendo daqui a cinco anos e se o que eu estou fazendo vai durar.

Boa sorte na nova fase e, por favor, apareça sempre! Agora estou pertinho. :)

superealistique disse...

Caramba, Nat! Que incrível!
Te desejo toda a sorte do mundo - e que você encontre alguma resposta, também. Parabéns pela coragem... :)
Beijo!

ps: Avisa quando você estiver por aqui, pra gente marcar aquela cerveja que estamos adiando há tanto tempo.

Larissa Bohnenberger disse...

Naty, que saudade, guria!!!

Nossa, quantas mudanças! Eu te admiro pela coragem... Eu tenho um desejo profundo de uma mudança drástica na minha vida, envolvendo largar emprego, largar cidade, largar família, largar tudo... Mas cadê a coragem? Penso que na minha idade já não posso me dar a esse luxo... sei lá!!!

De qualquer forma, fico muito feliz por vc. E tô muito feliz de estar de volta, estava morrendo de saudade!

Bjão!!!

anyanonymous disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
anyanonymous disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
anyanonymous disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
anyanonymous disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
anyanonymous disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Bruno Carnovale disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cami Pires disse...

Yeah!

anyanonymous disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...